REDAÇÃO DISSERTATIVA, COMO FAZER UMA REDAÇÃO BOA, MODELO DE UMA REDAÇÃO DISSERTATIVA, REDAÇÃO PRONTA SOBRE SANTIDADE, REDAÇÃO PRONTA SOBRE CATOLICISMO, REDAÇÃO PRONTA SOBRE CREDO RELIGIOSO, REDAÇÃO PRONTA SOBRE CREDO FILOSÓFICO



O MISTÉRIO DA SANTIDADE


Abordei, tempos atrás, de maneira bastante ligeira, em uma crônica, o problema da santidade. Isso me valeu algumas descomposturas de damas e mães de família, pressurosas em espinafrar um homem "que não entende nada de santidade" e que se mete, com imprudente constância, a falar no assunto.

Todas as espinafrações vieram de pessoas católicas. Creem elas que só por meio do catolicismo é possível a santidade, como se houvesse um único e imutável tipo de santidade.

Não estou aqui para gastar latim à toa, ensinando os princípios mais elementares do problema. Mas gostaria de acentuar, mais uma vez, o caráter existencial do santo, independente de qualquer ascese, de qualquer mística. Há santos na Antiguidade clássica, na pré-história, no Tibete, nas regiões mais bárbaras da África.

Há santos que praticaram a antropofagia e há santos que comeram gafanhotos, como são João Batista –um santo autêntico, independente de sua consanguinidade com o Redentor. Por falar em Redentor, este foi um santo existencialmente completo, independente também de qualquer credo religioso ou filosófico. No mesmo caso está o hedonista Maomé, o materialista Lênin, e muitos outros vultos pomposos ou não da História Universal ou da nossa história particular.

Há a santidade sem-Deus, que Albert Camus descreveu com abundância de princípios, e há a santidade com-Deus, cujo maior exemplo, para mim, é a do Cura d'Ars. E há, sobretudo, a santidade com-o-Homem, cujo protótipo seria Francisco de Assis.

Enfim, há mil tipos de santidade e todos eles só têm em comum o caráter existencial (ou até mesmo existencialista) da santidade, da pureza, da reta intenção.

Não desejei insultar ninguém que pensa diversamente, mas bem que poderiam dispensar o insulto ao adversário.

Fim


(Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/opiniao/, Carlos Heitor Cony)

Voltar ao Índice

Redação dissertativa N/S-1084: Tema: santificação.Tópicos: redação dissertativa pronta sobre santo, mães de família, católicos, redação dissertativa, latim, antiguidade clássica, como fazer uma redação boa, a pré-história, antropofagia, modelo de uma redação dissertativa, história universal, redação pronta sobre santidade, história particular, princípios, redação pronta sobre catolicismo, Cura d'Ars, existencialismo, redação pronta sobre credo religioso, adversário, redação pronta sobre credo filosófico.

Qualquer texto, publicado nesta seção, visa a, tão-somente, servir de modelo de redação dissertativa para alunos, pessoas que se preparam a um vestibular ou concurso, ou mesmo para aquelas cujo objetivo é o seu deleite e aprendizagem da arte de redigir. Portanto, os temas não se evidenciam pela cronologia, mas sim como paradigmas de exposição de ideias e opiniões. Assim, uma redação dissertativa, que se refere a um assunto desatualizado, pode ser um excelente exemplo para se redigir sobre o respectivo tema mesmo em outra época.