REDAÇÃO DISSERTATIVA PRONTA, MANUAL DE REDAÇÃO VESTIBULAR, UFRJ VESTIBULAR, REDAÇÃO PRONTA SOBRE PROPINA, REDAÇÃO PRONTA SOBRE MANIFESTAÇÕES DE RUA, REDAÇÃO PRONTA SOBRE CORRUPÇÃO, REDAÇÃO PRONTA SOBRE BUROCRACIA



A CULTURA DA PROPINA


Pressionado pelas manifestações de rua, o Brasil deu um passo importante na luta contra a corrupção ao colocar em vigor uma rígida lei contra deformações nas relações entre agentes públicos e privados a partir de janeiro deste ano. Ainda assim, e até mesmo por falta de uma definição clara sobre a aplicação de sanções efetivas, o país segue acumulando casos que contribuem para reforçar, interna e externamente, a imagem associada a uma cultura disseminada da prática de propina na administração pública e na sua relação com fornecedores privados. O caso mais recente, envolvendo denúncias relacionadas a pagamentos indevidos a servidores da Petrobras por parte de uma empresa holandesa, dá uma ideia de até onde podem chegar os prejuízos políticos e financeiros para o país. E, ao mesmo tempo, da ineficácia ou da insuficiência de leis para punir empresas corruptoras brasileiras, pois o país é alvo fácil também de ilicitudes de megacorporações internacionais.
Só em São Paulo, o Estado economicamente mais avançado, há hoje dois escândalos típicos de pagamento de propina sob investigação. Um deles era capitaneado por uma máfia que reduzia o Imposto sobre Serviços (ISS) cobrado pela realização de obras, garantindo em troca propina para servidores da prefeitura paulistana. O outro envolve fraude em licitações e pagamento de “caixinha” para servidores por parte de um cartel de multinacionais com contratos na área de trens no governo estadual de São Paulo. O da Petrobras, que envolveria o pagamento de propina a funcionários por parte de uma empresa holandesa, é apenas o mais recente entre os mais rumorosos. Ainda assim, tem potencial para provocar estragos que vão além da imagem da maior estatal brasileira.
O ponto em comum entre esses exemplos mais conhecidos, dos muitos que circulam diariamente por baixo dos panos, é alegação dos corruptores sobre a necessidade de “apressar as coisas”. O excesso de burocracia está na origem da maioria dos registros de pagamento ilegal para a obtenção de vantagens. Quando a essa característica brasileira se associa a prática disseminada de abrigar apadrinhados políticos em empresas do setor público, muitos deles sem qualquer habilitação para o cargo exercido, a porta para os malfeitos se escancara. Todo brasileiro que concorda em cortar caminho na máquina pública mediante qualquer tipo de troca de favores acaba contribuindo para reforçar essa deturpação da normalidade administrativa.
O fato de o Brasil ter começado este ano sob a vigência de uma moderna e eficiente Lei Anticorrupção demonstra pelo menos que o clamor das ruas começa a ser ouvido. Muitos políticos continuam fazendo de conta que estão acima da lei, muitos cidadãos seguem recorrendo a jeitinhos para angariar benefícios, mas o país já não pode mais ser citado como paraíso da impunidade. Só o rigor da lei, porém, não basta. A cidadania plena exige a erradicação da cultura do suborno, mas isso só ocorrerá se cada brasileiro fizer a sua parte na construção de uma sociedade mais vigilante e mais ética.

Fim


(Fonte: http://wp.clicrbs.com.br/opiniaozh/?topo=13,1,1,,,13)

Voltar ao Índice

Redação dissertativa N/S-1091: Tema: corrupção.Tópicos: agentes públicos, manual de redação vestibular, UFRJ vestibular, redação pronta sobre propina na administração pública, propina na Petrobras, prejuízos financeiros, redação pronta sobre empresas corruptoras, empresas brasileiras, megacorporações internacionais, redação sobre pagamento de propina, máfia da propina, propina para servidores, redação sobre fraude em licitações, pagamento de 'caixinha' para servidores, redação sobre cartel de multinacionais, estatal brasileira corrompida, por baixo dos panos, redação pronta sobre excesso de burocracia, apadrinhados políticos, padrinhos políticos, redação pronta sobre empresas do setor público, máquina pública, troca de favores, redação pronta sobre corrupção no Brasil, políticos corruptos, paraíso da impunidade, redação pronta sobre cidadania, cultura do suborno, sociedade vigilante.

Qualquer texto, publicado nesta seção, visa a, tão-somente, servir de modelo de redação dissertativa para alunos, pessoas que se preparam a um vestibular ou concurso, ou mesmo para aquelas cujo objetivo é o seu deleite e aprendizagem da arte de redigir. Portanto, os temas não se evidenciam pela cronologia, mas sim como paradigmas de exposição de ideias e opiniões. Assim, uma redação dissertativa, que se refere a um assunto desatualizado, pode ser um excelente exemplo para se redigir sobre o respectivo tema mesmo em outra época.